Segunda-feira, 29 de Junho de 2009

Estes não gozam com os computadores Magalhães

 

Lido no Huffington Post

 

Don Tapscott

Don Tapscott

Author, Consulting company CEO, Advisor to government and business leaders.

Posted: June 24, 2009 12:56 PM 

 

 

Note to President Obama: Want to Fix the Schools?

Look to Portugal!

 

Extracto:

(...)

American classrooms need to enter the 21st century. Thousands of teachers agree. Earlier this year, several important educational groups urged the president and Congress to spend nearly $10 billion to improve technology in the classroom, and ensure teachers know how to use computers most effectively.

To show the way, I suggest the president take a look at a modest country across the Atlantic that's turning into the world leader in rethinking education for the 21st century.

That country is Portugal. Its economy in early 2005 was sagging, and it was running out of the usual economic fixes. It also scored some of the lowest educational achievement results in western Europe.

So Prime Minister Jose Socrates took a courageous step. He decided to invest heavily in a "technological shock" to jolt his country into the 21st century. This meant, among other things, that he'd make sure everyone in the workforce could handle a computer and use the Internet effectively.

This could transform Portuguese society by giving people immediate access to world. It would open up huge opportunities that could make Portugal a richer and more competitive place. But it wouldn't happen unless people had a computer in their hands.

publicado por JTeles às 00:53
link do post | comentar
Sábado, 27 de Junho de 2009

Loira, sim, mas com muitos livros

 Montagem do Indesmentível, com a devida vénia:

publicado por JTeles às 02:58
link do post | comentar
Quinta-feira, 25 de Junho de 2009

Obvious - o destaque da semana

É o blog com maior audiência em língua portuguesa: versa antes de mais artes e letras, arquitectura, tecnologiadesignfotografiamúsicahumor. Também notícias do nosso admirável mundo novo. Como esta

a revolução do irã não será televisionada

"Pela primeira vez na história, a internet é o lugar privilegiado para o acompanhamento de um processo político e cultural. Tendo a rede como o único modo de ser noticiado sem censuras ou sanções, os conflitos no Irã estão convergindo estudantes, imprensa e cidadão de todo o mundo em torno de uma única causa: o direito à liberdade". Vale a pena   ir lá e ler o resto.

 

publicado por JTeles às 00:33
link do post | comentar
Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

Assim fala um líder

 

Vi ontem no Hard Talk da BBC World, um Stephen Sackur insolente a tentar encostar à parede o ministro do Interior da RF da Alemanha, o imperturbável Wolfgang Schäuble, antigo líder da CDU, que um atentado imbecil, há uns anos, colocou numa cadeira de rodas. Desmontando uma a uma todas as provocações. Um exemplo:

 

Sackur escandalizava-se que Schäuble pudesse defender um exército europeu, supra-nacional, por cima e no lugar dos exércitos nacionais.

 

Porque não? - respondeu o líder germânico. De que serve hoje em dia um exército nacional, se não queremos ir para a guerra sozinhos em nenhuma circunstância? Não precisamos uns dos outros para as nossas defesas? E cita uma sondagem no seu país: 2 em cada 3 alemães preferem um exército europeu, com soldados de todos os países, garantindo a defesa de todos, a um exército nacional alemão.

 

No Reino Unido, nunca admitiríamos uma coisa dessa - diz-lhe o jornalista da BBC. Prescindir das nossas forças armadas para integrar forças armadas europeias? Nem pensar! Aliás, David Cameron já anunciou que mesmo que a Irlanda acabe por aprovar o Tratado de Lisboa, um futuro governo conservador  tudo fará por anular a ratificação britânica, "não vamos deixar em paz os Estados que queiram pôr em prática o Tratado".

 

Schäuble continuava a sorrir: "Por isso o Reino Unido nunca liderou a Integração europeia. A Alemanha, sim".

publicado por JTeles às 02:18
link do post | comentar
Domingo, 21 de Junho de 2009

Como é que esta me escapou?

 Mais uma, e muito boa, do Jornal da TVI:

 

 

publicado por JTeles às 15:58
link do post | comentar
Terça-feira, 16 de Junho de 2009

Leia o resto que vale a pena

De Valupi, in Aspirina B, fala do  Sócrates Fan Club:

 

Seja à esquerda ou à direita, Sócrates é temido e desejado. Temido porque desejado, e desejado porque temido. À esquerda, na esquerda imbecil, não se perdoa a Sócrates conseguir criar riqueza económica e continuar a ser de esquerda — com abundantes transformações sociais, que esperavam há anos na agenda do PCP e do BE, a terem sido concretizadas numa única legislatura. À direita, na direita ranhosa, não se perdoa a Sócrates conseguir criar riqueza económica e não ser de direita — tantas as suas qualidades de liderança e inovação que fariam o delírio dos amanuenses do PSD e CDS caso ele os chefiasse.

 

De Francisco Clamote, in Terra dos Espantos, Que difícil é crescer:

Ao ver actuação do deputado Nuno Melo como inquiridor de Vítor Constâncio (Governador do Banco de Portugal) na comissão de inquérito parlamentar à supervisão ao BPN veio-me à memória este "post" aqui lançado antes das eleições europeias: um cartaz do CDS e um breve comentário: "Que difícil é Crescer!"

Do Jumento, Jumento do Dia - João Cravinho:

Desde que foi para um alto cargo europeu onde pouco se faz e se ganha muito que João Cravinho vem fim-de-semana sim, fim-de-semana não, muito provavelmente viajando em classe executiva à custa do erário público, para mandar umas farpas a Sócrates. Só é pena que quando Sócrates o convidou não tenha tido a coragem de mandar a mais correcta das farpas, a recusa do lugar. Foi assim que se comportou Pacheco Pereira quando foi convidado para embaixador na Unesco...

 

publicado por JTeles às 22:27
link do post | comentar
Segunda-feira, 8 de Junho de 2009

UE pode morrer de inanição

A extrema esquerda quer travar os investimentos europeus, paralisar a aprovação do Tratado de Lisboa, reduzir ao mínimo a acção da Comissão Europeia. Já quanto à extrema direita o que ela quer é travar os investimentos europeus, paralisar a aprovação do Tratado de Lisboa, reduzir ao mínimo a acção da Comissão Europeia. Durão Barroso, se continuar à frente da Comissão, arrisca-se a não passar de pau mandado de Sarkozy, de Berlusconi, de Cameron, e de outros líderes proteccionistas. E nós arriscamo-nos, a Europa arrisca-se, a morrer de inanição. como na parábola de Georges Perec, que começava assim:


 

Trois cardinaux, un rabbin, um amiral franc-maçon, un trio d'insignificants politicards soumis au bon plaisir d'un trust anglo-saxon, ont fait savoir à la population par radio, puis par placards, qu'on risquait la mort par inanition.
On crut d'abord à un faux bruit. Il s'agissait, disait-on, d'intoxication. Mais l'opinion suivit. Chacun s'arma d'un fort gourdin. "Nous voulons du pain", criait la population, conspuant patrons, nantis, pouvoirs publics.
Ça complotait, ça conspirait partout. Un flic n'osait plus sortir la nuit. À Mâcon, on attaqua un local administratif. À Rocamadour, on pilla un stock: on y trouva du thon, du lait, du chocolat par kilos, du maïs par quintaux, mais tout avait l'air pourri. À Nancy, on guillotina sur un rond-point vingt-six magistrats d'un coup, puis on brûla un journal du soir qu'on accusait d'avoir pris parti pour l'administration. Partout on prit d'assaut docks, hangars ou magasins.
Plus tard, on s'attaqua aux Nord-Africains, aux Noirs, aux juifs. On fit un pogrom à Drancy, à Livry-Gargan, à Saint-Paul, à Villacoublay, à Clignancourt. Puis on massacra d'obscurs trouffions, par plaisir..
 
E por aí adiante. "La disparition"  da União Europeia pode ter começado ontem. Ninguém deu por isso? A inanição é isso mesmo.

 

tags: ,
publicado por JTeles às 20:41
link do post | comentar
Quinta-feira, 4 de Junho de 2009

Ana Drago a levar no toutiço e só se perderam as que caíram no chão

 Via Câmara Corporativa

tags:
publicado por JTeles às 07:42
link do post | comentar
Quarta-feira, 3 de Junho de 2009

Europeias - Previsões globais e em cada um dos 27

 

 

Nem só do que se passa na mesquinha campanha interna, vivem as eleições europeias. Vale a pena ver o que passa globalmente (não somos mais do que 22 em 736) e também em cada um dos 27 Estados da UE, a partir deste Predict09.eu.

 

publicado por JTeles às 17:07
link do post | comentar
Segunda-feira, 1 de Junho de 2009

PSD ou CDS/PP vai dar ao mesmo


Andam tão distraídos os nossos jornalistas em campanha – e por vezes até dá a impressão que têm uma campanha própria, ofendem-se com o que dizem uns e vão-se queixar aos outros –  que ainda não se lembraram de indagar onde param, ou hão-de ir parar, os deputados que elegemos.

 

PSD e CDS/PP podem parecer irmãos desavindos aos eleitores desta vez (em 2004 estavam ambos no Governo e concorreram mesmo coligados) mas vão ser aliados e  companheiros de luta no grande Partido Popular Europeu –  de Ângela Merkel a Silvio Berlusconi – que começou por ser o grupo europeu do CDS em 1987 e 1989, quando este partido era democrata-cristão, contava perto de 900 mil votos e elegia quatro deputados europeus.

publicado por JTeles às 23:25
link do post | comentar

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. O estoiro da boiada está ...

. A lógica de um clérigo mu...

. O vídeo da compra dos vot...

. El golazo de Saviola

. A verdade a que temos dir...

. Fez a Prisa muito bem!

. "Caim": O novo romance de...

. Olho neles!

. Um candeeiro alimentado a...

. Uma zanga a sério entre m...

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

. 72 virgens ou 72 uvas ? O...

. Daily Show investiga soci...

. Leituras de domingo

. Que faz o MP? Onde pára o...

. D. Januário envergonhado ...

. A História não se repete ...

. Hannibal ad Portas

. Saramago contra as FARC:...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds