Terça-feira, 21 de Abril de 2009

O estoiro da boiada segundo João Ubaldo

 

O João Ubaldo Ribeiro é dos meus escritores brasileiros preferidos. Calculem a minha emoção quando em mais uma volta pela blogosfera encontrei esta definição: Estouro da boiada, como assim? — A boiada que é povo brasileiro, nós sempre fomos boiada  (Modéstia sua, cara, boiada somos todos!) (...) O estouro pode começar com qualquer coisinha besta, até o estalido de um graveto. Então é isso, eu fico com medo que, quando menos se espere, o graveto estale.  É o que eu digo sempre: uma revolta pode acontecer quando menos se espera. Sabem como foi o 18 do brumário, que pôs no poder Napoleão Bonaparte? Uma pantomina, a tomada de uns quartéis pela exibição de um documento, o senatus-consultus, que não existia desde a Roma antiga. E a revolução de Outubro de 1910? E a revolução francesa de 1789? Leiam ou releiam Charles Dickens, The Tale of Two Cities, e Anatole France Les dieux ont soif...

Vocês querem é saber o que diz o João Ubaldo? Por isso não seja a dúvida: aí vai o texto, a parte final que o resto é política brasileira, antiga, uma conversa "num boteco do Leblon" no domingo que se seguiu à vitória do Lula:

 



—  (...) Os deputados mesmo, o que estão fazendo agora? Cuidando primeiro do deles! Já são os mais bem pagos e beneficiados do mundo e agora, depois de uma grande medida moralizadora que foi devolver as pastas James Bond que cada um ia ganhar às nossas custas, resolveram dobrar os vencimentos. Uma bobagenzinha, só dobrar.

— Bem, realmente nesse ponto você tem razão. Os caras não aliviam. Trabalham três dias por semana, vivem fazendo CPIs (comissões Parlamentares de Investigação) que nunca dão em nada, têm direito a tudo, comem mulheres ótimas, é um festival. Nesse ponto você tem razão, esses caras só servem pra dar despesa e vergonha.

— Viu você, viu você? É verdade, eles vivem fazendo o possível para que o povo ache que não precisa de Congresso, que só faz trazer despesa e vergonha, além de atrapalhar o governo. E toda hora aparece confusão, como essa dos aviões. Ninguém consegue viajar e quem consegue viaja rezando. E tudo mundo tem cada vez mais medo de tudo, tem gente que não bota o pé fora de casa e cataloga quem pode entrar com um sistema eletrônico de impressão digital, nem amigo entra, se não estiver com a impressão digital cadastrada. Então eu fico com medo do estouro da boiada.

— Estouro da boiada, como assim?
 
— A boiada que é o povo brasileiro, nós sempre fomos boiada. Tu é do tempo em que a gente lia no colégio duas versões do estouro da boiada, uma do Euclides da Cunha, outra do Rui Barbosa. O estouro pode começar com qualquer coisinha besta, até o estalido de um graveto. Então é isso, eu fico com medo que, quando menos se espere, o graveto estale.

— Mas de certa forma isso seria até bom. Se houvesse uma verdadeira revolta popular, esses caras iam se mancar. Nesse caso, é uma coisa que ia te agradar, botar essa corja toda corrupta e incompetente para fora; eu vou lhe ser sincero, acho que está na hora desse estouro da boiada, acho que estamos precisando de um governo forte.

— É isso que a boiada já está começando a achar também. Pensando bem, eu não estou mais com pena nenhuma dele. (do Lula)
 
Gostaram? Hoje é 21 de Abril, feriado no Brasil, dia de Tiradentes. A transcrição é a minha minha maneira de homenagear o Brasil e João Ubaldo Ribeiro. Na próxima sirvo-lhes aqui umas páginas escolhidas dos budas ditosos. Um manjar dos deuses.
 
 
 

 

publicado por JTeles às 01:24
link do post | comentar

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. O estoiro da boiada está ...

. A lógica de um clérigo mu...

. O vídeo da compra dos vot...

. El golazo de Saviola

. A verdade a que temos dir...

. Fez a Prisa muito bem!

. "Caim": O novo romance de...

. Olho neles!

. Um candeeiro alimentado a...

. Uma zanga a sério entre m...

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

. 72 virgens ou 72 uvas ? O...

. Daily Show investiga soci...

. Leituras de domingo

. Que faz o MP? Onde pára o...

. D. Januário envergonhado ...

. A História não se repete ...

. Hannibal ad Portas

. Saramago contra as FARC:...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds