Segunda-feira, 20 de Abril de 2009

Governo fica com 30% das remessas dos emigrantes

 Em Cuba. Que é que estavam a pensar? A revelação é de David Axelrod, que foi chefe da Casa Civil de Bill Clinton e é hoje consultor senior da Administração Obama, e foi feita este fim-de-semana num programa da CBS: o Governo Cubano fica com 30% das remessas dos emigrantes enviadas dos Estados Unidos e isso tem de parar. Assim como as proibições impostas por Cuba ao uso de telemóveis estrangeiros no seu território.

 

Estas são as respostas que Obama espera de Raúl de Castro ao levantamento das restrições a viagens e transferências de dinheiro a efectuar pelos cubanos residentes nos Estados Unidos.

 

Um princípio de conversa que poderia conduzir ao levantamento total do embargo comercial. Se o Governo cubano não preferir refugiar-se nas habituais proclamações anti-imperialistas e fazer de vítima. Facto é que, como também nota Axelrod, depois da cimeira de Trinidade e Tobago, “o anti-americanismo fácil já não rende o que rendia como táctica política”.

: porreiro pá
publicado por JTeles às 11:31
link do post | comentar | ver comentários (1)

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Governo fica com 30% das ...

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

. 72 virgens ou 72 uvas ? O...

. Daily Show investiga soci...

. Leituras de domingo

. Que faz o MP? Onde pára o...

. D. Januário envergonhado ...

. A História não se repete ...

. Hannibal ad Portas

. Saramago contra as FARC:...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds